Ficar ansioso para quê?

É inegável que a farmacologia tem avançado bastante na descoberta e produção de substâncias com efeito significativo sobre o psiquismo, os chamados medicamentos psicotrópicos. Vamos aqui tomar o exemplo dos ansiolíticos modernos, os benzodiazepínicos produzidos a partir da década de 60 e que atingiram ampla popularidade nos dias atuais. Falamos de remédios com princípios ativos…Continue reading Ficar ansioso para quê?

Considerações psicanalíticas sobre a angústia

A angústia é um afeto da maior importância para a psicanálise: ela é um problema central para a clínica das neuroses e se constitui em um sinalizador fundmental do progresso do tratamento analítico. Pretendo aqui explicar algumas razões para essa afirmação, mas para tanto, é primeiramente necessário discorrer sobre o que é a angústia e,…Continue reading Considerações psicanalíticas sobre a angústia